Header Ads

Últimos posts

De Gabriela à Jenifer: relembre músicas que eternizaram nomes (e incomodaram muita gente)

Eu ainda não encontrei ela no Tinder, mas não restam dúvidas de que "Jenifer" é uma das grandes apostas para hit do verão 2019. Sucesso na voz do forrozeiro campo-grandense (embora se declare paraibano de coração) Gabriel Diniz,  a canção chiclete, que mescla axé e forró,  acumula o status de música mais reproduzida dessas primeiras semanas de 2019, de acordo com as plataformas de streaming

O videoclipe, lançado em 21 de setembro de 2018, já ultrapassou as 100 milhões de visualizações e traz a atriz Mariana Xavier como intérprete da "Jenifer", de forma irreverente e empoderada, quebrando o padrão da imagem de musa do verão. 

Foto: Reprodução/Youtube
Goste ou não, a música é sucesso nacional e o nome Jenifer (e suas variações) está em evidência, causando ranço ou recalque em muitos, rs. Mas esta não é a primeira vez que uma música causa estresse e alvoroço por conta de um nome. 
Vamos relembrar outras músicas que marcaram época e nomes?
Milla
Em 1996, o cantor baiano Netinho lançou Milla. Escrita pelos compositores Mano Goés e Tuca Fernandes (ambos ex-integrantes da banda Jammil e Uma Noites), a música foi o hit do verão de 1997 e marcou história, sendo até hoje toca e lembrada durante os blocos de Carnaval.


Anna Julia
Já em 1999, Los Hermanos explodiu no Brasil inteiro, puxado pelo sucesso "Anna Júlia". Inspirada numa paixão de colegial do produtor da banda, Rick Bonadio, a música quase ficou de fora do repertório final do álbum de estreia da banda. Mas o produtor conseguiu convencer os integrantes e o sucesso foi tanto que, não só conquistou as rádios de todo o país e presença em diversos festivais, como uma indicação ao Grammy Latino do 2000 e um VMB (Video Music Brasil) na categoria Videoclipe de Artista Revelação. E por falar em videoclipe, a atriz Mariana Ximenez protagonizou Anna Julia e foi exibida em diversos programas de TV, além da MTV.


Juliana
Ainda no final dos anos 90, outro nome que não teve paz foi Juliana. Cantada pelo grupo de axé, Raça Pura, a canção fez tanto sucesso - na época - que competia com os grandes sucessos do É o Tchan, nas festas e paradas musicais. A letra chiclete dizia: "A Juliana não quer sambar. Samba Juliana! Samba Juliana!”.


Carla
No início dos anos 2000, a banda LS Jack foi presença constante em todos os programas de auditório da TV aberta com a música "Carla". Composta por Marcus Menna, a canção foi a 7ª mais executada nas rádios brasileiras em 2002.


Renata
A próxima música da lista marcou minha geração e eu vivi de perto o quanto uma colega da escola sofreu sendo a "ingrata" do Latino. Lançada pelo cantor em 2004, no auge de sua carreira, a canção fez tanto sucesso que até quem não se chamava Renata, não aguentava mais o inferno que não saia da cabeça: Renata ingrata! Trocou o meu amor por uma ilusão. Renata ingrata! Quem planta sacanagem colhe solidão! 


Daniela
Talvez esta seja a menos conhecida da lista: em 2003 a banda Biquíni Cavadão lançou "Dani", em trocadilho para "dane-se", simbolizando a liberdade e desapego - em homenagem a funcionária de um bar no Jardim Botânico de São Paulo, muito frequentado pela banda. A música traz a estrofe Só penso nela, quem é ela, o nome dela é Daniela.


Gabriela
Tema de novela e minissérie da Rede Globo, "Gabriela" é canção mais antiga da lista. Composta pelo saudoso Dorival Caymmi e eternizada na voz de Gal Costa, a música de 1975 é ate hoje uma das mais lembradas, quando o assunto é Gabriela.


Stefhany
A última música da lista marcou época e sem querer, ajudou a impulsionar as vendas da Volkswagen, rs. Afinal, você, com certeza, deve se lembrar da Stefhany do CrossFox. Do interior do Piauí para todo o Brasil, Stefhany Absoluta estourou em 2009, com uma versão brega e bem zoada da música A Trousand Miles da Vanessa Carlton. A música fez tanto sucesso, que a cantora ganhou um CrossFox novinho no palco do Caldeirão de Huck, em uma ação conjunta do programa e a marca. Se isso não é causar com estilo, eu não sei o que é!



Você consegue se lembrar de outras músicas que incomodaram (e muito) por causa de algum nome? Compartilha comigo!
Um bejo e até a próxima!

2 comentários:

  1. Post incrível e maravilhoso.
    Obrigado pelo comentário no meu blog, estarei por aqui agora!
    Bom restante de semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    O blog está em HIATUS DE VERÃO até o dia 23 de fevereiro, mas temos post novo. Comentarei nos blogs amigos nesse período.

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  2. Tem a Silvia do Camisa de Vênus.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.