Header Ads

Últimos posts
recent

Tim Berners-Lee: o gênio por trás da internet livre

Sem dúvidas, o surgimento da internet é um dos acontecimentos mais revolucionários do século 20. Mas o que poucas pessoas sabem, é que não fosse Tim Berners-Lee, a internet não teria se tornado essa ferramenta de comunicação e uso pessoal, disponível a todos.

Quando a internet surgiu em meados dos anos 60, sua finalidade era restritamente militar e à disposição do governo. Com o passar do tempo foi tomando destaque no universo científico, sendo fundamental na troca de dados entre equipes internacionais. Mas seria apenas isso, uso cientifico e militar, se Berners-Lee não tivesse criado o WWW (World Wide Web), que muitos pensam não ter nenhuma funcionalidade.

Um equívoco pensar assim, pois o WWW é o protocolo comum e padronizado que permite toda e qualquer troca de informações pela rede. O sistema é bem simples (para alguns) e consiste em três elementos: domínio (um endereço que corresponda a um servidor); um protocolo de transmissão e a noção de hipertexto, que é toda a linguagem de programação que codifica e permite a exibição de textos, imagens, links e demais elementos gráficos. Sem esses elementos, a navegação seria impossível!

Mas todo esse processo de codificação e descoberta de protocolos foi bem demorado e Berners-Lee, passou muitos anos estudando e trabalhando no CERN, um laboratório europeu de física de partículas, hoje conhecido com Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear. Finalmente em 6 de agosto de 1991, o primeiro website foi colocado online. Trata-se do "The Project", que apresentava informações dos códigos necessários para desenvolver um site semelhante, além dos softwares, referências bibliográficas e os contatos da equipe envolvida em sua criação. 


O site original ainda pode ser acessado por este link

No entanto o seu grande e verdadeiro mérito foi não ter patenteado o WWW, pois seu objetivo era trabalhar em função da humanidade, com uma rede livre e que pudesse ser facilmente utilizada por todos. Se tivesse sido patenteado, a internet dificilmente teria se estendido por todo o globo e teríamos de pagar para publicar um blog, acessar as redes sociais, etc. 

Com isso, Berners-Lee estabeleceu que apenas tecnologias de uso livre poderiam ser usadas, para que qualquer pessoa pudesse acessar facilmente. Um verdadeiro gênio, não é mesmo? Daqui pra frente, lembre-se sempre de agradecer a ele pela internet que temos hoje (hahaha).

Até a próxima!

Fonte: Postagem original de Revolução Nerd

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.